Bem vindos ao meu blog! Aqui conto histórias adocicadas de mãe do Guga do Jomi e da Sofi Relato histórias de uma mãe babada/galinha como todas as outras, rendida a uma dedicação total aos 4, pois o pappy tambem conta!

16
Mar 09

 

“Querido professor,
 
Hoje portei-me bem e o que fez o professor que passa a vida a ralhar comigo? Nada. Nem um sorriso!
 
Não me dá a mínima atenção se eu me portar bem, colocar o dedo no ar para responder e até fizer os trabalhos de casa. No entanto, se eu rir às gargalhadas, atirar aviões de papel, e perturbar a aula, você vê que eu existo e até fala comigo...
 
Porquê?
 
Se só existo quando me porto mal... então por que motivo me hei-de portar bem?”
 
Pois ,por mais que diga ao meu filho para se portar bem, a verdade é mesmo esta. Porque que não há um "mimo" de vez em quando para com as crianças? Se até nós gostamos que nos elogiem, e nos motivem , não precisará muito mais um pré adolescente?
só quando fazem disparates é que se fala com o aluno e se escreve na caderneta, e se a criança muda de comportamento não se lhe dá um "parabens, estás a evoluir ,continua no bom caminho."
É só um desabafo meu ,outra vez...
 
(imagem tirada da net)
publicado por guguinha às 12:28
sinto-me: Reflexiva

08
Fev 09

 

 

 

 

Desculpem ,eu estar sempre a bater no mesmo.

Mas acham normal uma professora ter dado um teste grande aos alunos , que nenhum o conseguiu acabar, e ontem ter deixado dois colegas dos alunos irem acabar o teste?!

Quando os outros os  vêm chegar os colegas com os testes na mão ,perguntam o que estiveram a fazer, estes fespondem a acabar o teste de matemática, e o meu filho pergunta a professora , porque não perguntoun a todos se queriam acabar o teste, esta responda ," estes dois foram os únicos que pediram!"

Serei eu que estou estúpida, ou não consigo coompreender estas atitudes de professores, já na casa dos 50 anos e que já deveriam ter muita experiencia a lidar com crianças do 2º ciclo? Ou será esta a realidade e eu estou completamente fora dela?

Mas prometo que não vai ficar assim, vai correr muita água. Já estava passada que chegue com alguns comentários em relação ao meu filho, até cheguei a pensar que realmente as "hormonas " o tivessem modificado radicalmente, levei-o e anda num colega psicólogo ( que me diz que ele é perfeitamente normal e inteligente,que se continuarem com estas atitudes com ele , que ele vai-se deixando afundar).

Será alguém capaz de me explicar , como é que um aluno ,que foi sempre o melhor da turma , que foi dos melhores no 4º ano aqui da zona ,que no 5º ano está no quadro de excelencia da escola, muda de professores e alguns destes o passem a tratar como um "arruaceiro", malcriado e como disse outra destinta professora "para o Jomi nem valia a pena mandar recados, " a mesnma que na quarta feira lhe disse ,quando ele lhe disse que não concordava com a nota, " vai fazer queixa aos teus pais ou então ao tribunal". Bolas, bolas ,bolas!! O meu filho tem 11 anos, que idade tem um professor para poder dar aulas? 11, 12, 15 anos? São estas respostas que motivam os alunos? São respostas do tipo "não tens lingua? Doiem-te os pés para não falares'

Ou será porque o pai de um dos colegas  tem o previlégio de ser professor na escola e a outra a mãe ser secretária na escola para  se ser tratado com respeito e ter oportunidades de fazer bem os trabalhos e ter oportunidades  de refazer o teste?

Estou desabafando novamente...

publicado por guguinha às 19:30
sinto-me: Furiosa

A familia completa

My Family from WiddlyTinks.com
mais sobre mim
Setembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
28
30


Onde estou
Awareness Ribbons Customized - ImageChef.com
Quem me visita e visitou
online
eXTReMe Tracker
blogs SAPO